O gatinho e o cão

By Luana Mendes
Fevereiro 24, 2014
0

Era uma vez um gatinho chamado Kiko.

No primeiro dia que saiu de casa, encontrou um animal peludo de dentes afiados e a dormir. A mãe já lhe tinha falado daquele animal, era um cão.

- Bem ouvi dizer que os cães são muito maus para os gatos, mas este parece-me mesmo muito mau – disse o gatinho.

Entretanto, o cão acordou, o que deu muito medo ao gatinho.

- Uaaaaaaah, que bela sesta heim? – de repente, o cão ouviu um tremer muito rápido. – Mas o que é isto? Um gatinho? No meu quintal? -  resmungou o cão muito alto.

- Não me coma, por favor, sou apenas um gatinho bebé – disse o Kiko, cheio de medo.

- Não te vou comer. Eu só estou zangado por estares em cima das minhas flores. Respondeu o cão calmamente.

- Então, não és mau? – perguntou o gatinho.

- Não, não sou, eu gosto de fazer amigos, mesmo que sejam gatos – disse o cão muito animado e sorridente.

- Então, que tal vires a minha casa? É que eu queria mostrar à minha mãe que nem todos os cães são maus – disse o gatinho, muito animado.

- Boa ideia, podes ser um gatinho bebé, mas, mesmo assim, és muito esperto – disse o cão.

(Moral da história: As Aparências Iludem)

Luana Mendes, 24/2/2014

Comments: 0

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>